Connect with us

Cajamar

Pacientes de coronavírus falam com familiares por meio de tablet

Published

on

Agora os pacientes internados com Covid-19 terão disponível no hospital conexão wi-fi e tablets, para que possam ter contato com os familiares, devido a necessidade do isolamento

 Fonte: Departamento de Comunicação e Imprensa PMC

Um ano após o início da pandemia, a Secretaria Municipal de Saúde de Cajamar reabriu o Centro Médico de Combate ao Coronavírus com o objetivo de ampliar os atendimentos e assegurar assistência médica aos pacientes confirmados com Covid-19.

Desta vez, para amenizar este período dramático durante os dias de internação, devido a necessidade de isolamento dos internados, a Prefeitura de Cajamar iniciou um projeto utilizando a tecnologia para promover a comunicação entre os pacientes e familiares, através do “Cajamar Conectada”,

A partir dessa semana, ficará disponível no Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento (UPA) conexão wi-fi e tablets, para que os pacientes internados possam ter contato com os familiares, e assim, receber um conforto maior neste momento tão delicado. Ainda que o estado clínico do paciente seja atualizado aos familiares por meio dos assistentes sociais, enfermeiros e médicos, nada substitui o contato com a família.

Para o prefeito Danilo Joan, essa ação traz um alento aos pacientes e familiares. “Sabemos que este período de isolamento é muito difícil e estamos procurando formas de humanizar o atendimento. O contato com a família, mesmo que através de uma tela, será uma motivação importante para que os pacientes passem por este período de recuperação sem traumas e com o conforto das pessoas que o amam”, destacou o prefeito.

De acordo com o diretor do Hospital Municipal, Dr. Eduardo Torres, as ligações serão feitas diariamente para os familiares dos pacientes internados. “Todos os dias, das 9h às 15h, a psicóloga do hospital entrará em contato por vídeo chamada com os familiares para que os pacientes possam conversar. A ligação é feita para o número que é informado na ficha de internação”, explicou.

CAJAMAR CONECTADA

O Projeto “Cajamar Conectada” tem como proposta oferecer internet gratuita para locais públicos como praças, parques, unidades de saúde e escolas. A princípio, em razão da pandemia do novo coronavírus, o projeto foi instalado para atender os munícipes que precisam do hospital.

Agora o Hospital Municipal conta com um serviço de internet mais eficiente para a realização das rotinas de comunicação e transmissão de dados referentes a prontuários, exames e demais informações, além de permitir que os usuários do hospital possam ter acesso à grande rede.

Continue Reading

Cajamar

Thais Hilário Atriz é a Convidada de Hoje no Programa Conversa com Guina Francisco às 20h

Published

on

By

#Cultura Hoje à partir das 20h no Youtube, Facebook e Instagram da TopTVOn.
Convidada Especial: Thais Hilário – Atriz com Tema: Cultura em tempos de pandemia.
Participe envie suas perguntas no directo do instagram @toptvon !

Música ao vivo sempre por conta dela Jackie Tequila Jackie Tequila’s Sants

#Compartilhe #Curta #toptvon #conversavomguinafrancisco
Acesse mais: www.toptvon.com.br

Continue Reading

Cajamar

Cajamar vacina contra Covid pessoas com 18 anos ou mais com comorbidades; veja os locais

Published

on

By

Confira os novos grupos prioritários com idade igual ou superior a 18 anos que serão vacinados a partir dessa semana no município de Cajamar

A partir desta segunda-feira (07), o município de Cajamar iniciou a vacinação contra a COVID-19 para um novo público-alvo. Desta vez, o Cronograma de Vacinação inclui pessoas com Síndrome de Down; Transplantados Imunossuprimidos; pessoas com Deficiência Permanente (BCP); pessoas com Comorbidades; Gestantes e Puérperas com Comorbidades. Todos na faixa etária de 18 a 59 anos.

IMPORTANTE: grávidas com comorbidades com 18 anos ou mais devem agendar a vacinação antecipadamente pelos telefones: (11) 4447-1233, (11) 4446-6330, (11) 4446-6818, (11) 99483-0881, (11) 99465-4332 ou (11) 98964-0716.

Para os outros casos, as imunizações estão sendo aplicadas em Jordanésia, Polvilho, Cajamar Centro, Ponunduva e km 43. Em Jordanésia, um dos Polos de Vacinação está localizado no Centro de Eventos Boiódromo, e as imunizações são aplicadas pelo sistema drive-thru, sem precisar sair do veículo (entrada pelo Ginásio de Esportes Prefeito Manoel Álvares, em Jordanésia). No Polvilho, a vacinação está sendo aplicada no Ginásio Antônio Carlos Tramassi (estacionamento para veículos disponível ao lado do ginásio). Atendimento de segunda a sábado, das 09h às 17h.

Em Cajamar Centro, KM 43 e Ponunduva, as vacinas contra a COVID-19 serão aplicadas nas Estratégias de Saúde da Família (ESF), de segunda a sexta-feira, das 09 às 16h. Após este horário, os atendimentos serão realizados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Polvilho e Jordanésia, das 17 às 19h.

Para receber a imunização não é necessário agendar. Porém, para agilizar o atendimento, é importante preencher o formulário online, disponível através do site https://vacinaja.sp.gov.br. No momento da aplicação, é preciso apresentar documento com foto original, cartão do SUS e a cópia de receitas ou laudo médico, de acordo com cada caso:

COMORBIDADES: Apresentar laudo médico / receituário atualizado comprovando a patologia;

DEFICIÊNCIA PERMANENTE: Levar comprovante do recebimento do benefício de prestação continuada da assistência social;

TRANSPLANTADOS: Apresentar comprovante do transplante ou laudo médico.

Relação de comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde:

  • Insuficiência Cardíaca
  • Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
  • Cardiopatia hipertensiva
  • Síndromes coronarianas
  • Miocardiopatias pericardiomiopatias
  • Valvopatias
  • Doença da aorta, dos grandes vasos e fistulas arteriovenosas
  • Arritmias cardíacas
  • Cardiopatia congênita do adulto
  • Próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados
  • Diabetes Mellitus
  • Pneumopatias crônicas graves
  • Hipertensão arterial resistente
  • Hipertensão arterial estágio 3
  • Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão no órgão alvo
  • Doença cerebrovascular
  • Doença renal crônica
  • Imunossuprimidos
  • Anemia falciforme
  • Obesidade mórbida
  • Cirrose hepática
  • HIV

VACINAÇÃO (exceto grávidas com comorbidades)

Atendimento de segunda a sábado, das 9h às 17h:

  • Drive-thru: Centro de Eventos “Boiódromo”, em Jordanésia Av. Vereador Joaquim Pereira Barbosa nº 827 (entrada pelo Ginásio de Esportes Prefeito Manoel Álvares, em Jordanésia)
  • Ginásio do Polvilho: Ginásio de Esportes “Antônio Carlos Tramassi”, no Polvilho. Rua Creuza Ferreira de Araújo nº 120 (estacionamento para veículos ao lado do Ginásio)

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 09h às 16h:

  • ESF KM 43: Av. das Nascentes nº 518 – Bairro São Benedito/Km 43
  • ESF Ponunduva: Rua Joaquim Rodrigues Pontes nº 203 – Ponunduva
  • ESF Cajamar Centro: Av. Prof. Walter Ribas de Andrade nº 544 – Centro

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 17h às 19h:

  • UBS Jordanésia: Av. Dr. Antônio João Abdalla nº 850
  • UBS Polvilho: Rua Timburi 121, Polvilho

Continue Reading

Cajamar

Pessoas com comorbidades devem levar cópia de laudo médico quando forem vacinar

Published

on

By

Fonte: PMC

A medida tem como objetivo evitar fraudes de pessoas que tentam passar na frente sem pertencer aos grupos prioritários

A partir dessa semana, a Secretaria de Saúde solicita uma cópia da declaração, receita ou laudo médico de pessoas com comorbidades que forem receber a primeira dose de vacinas contra a COVID-19. A medida foi estabelecida seguindo orientações do Ministério Público, e tem como objetivo evitar fraudes de pessoas que tentam passar na frente, sem pertencer aos grupos prioritários.

A nova determinação entrou em vigor nesta segunda-feira (31). Com isso, é preciso que no momento da vacinação a pessoa leve junto uma cópia da receita ou laudo médico para que seja anexado no cadastro. Continuará sendo necessário também a apresentação de comprovante de residência do município e documento com foto.

Esse novo critério será utilizado em todos os municípios de São Paulo, visando garantir que a imunização está sendo aplicada rigorosamente apenas nos grupos prioritários liberados. Caso seja detectado qualquer tipo de irregularidade, será iniciado um processo civil/criminal, com encaminhamento para providências do Ministério Público (MP).

Continue Reading
Advertisement
Advertisement

Trending

Portal TopTVOn Brasil ©2021